Alessandro Severyn recebe Medalha Dr. Ozy Teixeira

0
374
Na sessão da segunda-feira, 07 de março, na Câmara de Vereadores de Encruzilhada do Sul, foi feita a entrega da Medalha Dr. Ozy Teixeira a Alessandro Carvalho Severyn, projeto do vereador, hoje Secretário de Educação, Leandro José Hendges.
Alessandro Carvalho Severyn é filho de Cláudio Severyn, (in memorian) e de Maria Eluiza Carvalho Severyn; é casado com Maristela Kucharski Severyn, com quem tem duas filhas.
Em 1996 ingressou no curso de Administração da Unisc – Universidade de Santa Cruz do Sul, onde concluiu em 2000, recebendo a graduação de Bacharel em Administração.
Em 2001 foi promovido a Escrevente Autorizado e em 2015 a 2º Oficial Substituto até 2018; segue desempenhado suas funções no Ofício de Registros Públicos, onde completa no dia 1º de agosto de 2022, 25 anos de serviços prestados à comunidade encruzilhadense com muito profissionalismo, respeito, humildade, simplicidade, honestidade, comprometimento e determinação.
Sempre com agilidade e presteza na prestação de todos os atos registrados para movimentar a economia do município, principalmente na questão do agronegócio.
Como colaborador administrativo de entidades como o CONJURES – Conselho Municipal de Juventude Rural e Associação de Moradores da COHAB, desde 1991; teve oportunidade de desenvolver vários projetos, eventos e palestras.
Possui em seu currículo 1.297 horas/aula de cursos extracurriculares, palestras, projetos e eventos em que participou para agregar conhecimento e buscar estar sempre atualizado no mundo profissional.
Em 2008, recebeu o troféu “Homens em Destaque” do Programa Sintonia Nobre da Radio Encruzilhadense. Em 2010, recebeu o troféu “Funcionário Destaque de Cartório” pelo Instituto Talent’os Pesquisa e Publicidade.
Um tradicionalista convicto, como todo gaúcho, passou a ser um grande pesquisador de nossa história e de nossas origens, principal “hobby” que desenvolveu com o passar dos anos.
Foi um dos editores do Jornal Universitário de Encruzilhada do Sul. Em setembro de 2006, lançou seu primeiro livro, intitulado “Herança Farrapa”, livro de poesias gaúchas, com 96 páginas, feito em parceria com alguns amigos e editado pela Gráfica Jacuí.
Além de diversos artigos escritos para os Jornais Locais nos últimos anos. Em 2007 passou a ser colunista do Jornal 19 de Julho, com a coluna “A Herança Farrapa, Nossa História e Nossa Tradição”.
Em dezembro de 2007, lançou seu segundo livro, intitulado de “Amor e Bravura em Tempos de Guerra”, romance épico, com 125 páginas, editado pela Gráfica Treze de Maio, de Venâncio Aires. Em 2012 estreou o programa “De Volta Pro Rancho”, na rádio 87.9 FM de Encruzilhada do Sul, programa de música nativista e tradicionalista do Rio Grande do Sul;
Em 2016 estreou o programa “Chasque Nativo”, na rádio 95.1 FM de Encruzilhada do Sul, programa de música nativista e tradicionalista do Rio Grande do Sul;
Em 2016 estreou o programa “Nostalgia”, na rádio 95.1 FM de Encruzilhada do Sul, programa de rock, pop e reggae;
Em 2016 foi um dos idealizadores do Projeto Grenatal;
Em 2016 foi o idealizador do troféu Peleador da Serra do Sudeste e da biblioteca tradicionalista Terra de Bravos, do CTG Rodeio de Encruzilhada;
Em 2015 participou da antologia poética, Poesia Livre 2015, livro com 200 páginas de poesias, editado pela Vivara Editora Nacional, com a poesia “Segredos do vento”.
Em 2017 participou da antologia poética, Prêmio Sarau Brasil 2017, livro com 320 páginas de poesias, editado pela Vivara Editora Nacional, com a poesia “Entardecer no pago”.
Pelo exposto acima fica clara a grandiosidade do trabalho desempenhado pelo Bel. Alessandro Carvalho Severyn, o qual é funcionário Extrajudicial, escritor e tradicionalista da cultura gaucha e encruzilhadense.