Grêmio perde para o Mirassol e é eliminado da Copa do Brasil

0
309
O Grêmio enfrentou o Mirassol, na noite desta terça-feira, em jogo válido pela primeira fase da Copa do Brasil. Em uma partida movimentada e de muitos gols, os donos da casa acabaram superando o Tricolor pelo placar de 3 a 2, no Estádio José Maria de Campos Maia, na cidade de Mirassol, no estado paulista.

Os primeiros instantes da partida foram movimentados, com ambas as equipes criando oportunidades no campo de ataque. Primeiro, o Grêmio com uma cobrança de falta da intermediária, em que a bola foi alçada na esquerda para Nicolas, que tentou a finalização de primeira, mas mandou sem direção. Já o Mirassol chegou bem com Negueba, que fez uma jogada individual e mandou a gol, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Publicidade

Mas após uma boa sequência de jogadas adversárias, aos 4 minutos, os donos da casa conseguiram abrir o marcador. Fabrício chutou de fora da área, Brenno espalmou, mas Camilo pegou a sobra e mandou de cabeça para o fundo das redes, colocando o Mirassol na frente. De imediato, o Tricolor respondeu com Rildo, que da entrada da área chutou, mas o goleiro adversário voou para fazer a defesa e impedir o gol de empate.

Foi aos 18 minutos que o Tricolor igualou o marcador com Diego Souza – após cobrança de escanteio, o centroavante subiu mais que a defesa e desviou para o fundo das redes. Em poucos minutos, o Grêmio alcançou a virada com Bruno Alves – depois da bola colocada na área, o zagueiro se antecipou à marcação e desviou para o gol, colocando a equipe na frente na contagem, passados 23’.

Publicidade

O jogo seguiu movimentado, tanto que o Mirassol conseguiu igualar o resultado com 29’. Oyama acionou Rodrigo Ferreira, que fez um cruzamento para Fabrício Daniel desviar para o gol, marcando o segundo dos paulistas.

Outra boa oportunidade gremista, desta vez saiu dos pés de Janderson, que depois de tabelar com Orejuela, invadiu a área pela direita e chutou forte, obrigando Darley a fazer uma grande defesa, aos 40’.

Nos acréscimos, Janderson abriu para Gabriel Silva, que chegou e tentou o cruzamento na área. Darley fez outra grande defesa, conseguindo mandar a escanteio. Na cobrança, Nicolas colocou na marca penal e mais uma vez, o goleiro tirou o perigo.

Publicidade

O Grêmio voltou a campo com a mesma formação. Logo nos primeiros instantes da partida, chegou ao ataque. Em uma das oportunidades, Diego Souza foi lançado por Thiago Santos, a arbitragem assinalou impedimento do centroavante.

Aos 8’ da etapa complementar, o Mirassol voltou a frente no placar. Fabinho recebeu um passe de Camilo dentro da área, ganhou da marcação e chutou no canto esquerdo da meta defendida por Brenno.

Com 13′ de jogo, Camilo foi expulso da equipe paulista após uma falta forte sobre Bruno Alves, na intermediária. Quase que o Grêmio empatou o jogo novamente – Orejuela levantou a bola na área e Janderson apareceu na área para desviar de cabeça a gol – a bola bateu na trave e saiu, aos 17’.

Os donos da casa tiveram uma nova chance em cobrança de falta. Neto mandou direto, obrigando Brenno a espalmar. Em resposta, Elias recebeu um passe de Benítez e acabou dividindo com a marcação na área, mas a arbitragem assinalou tiro de meta.

Passados 30 minutos, o Grêmio pressionou os paulistas. Nicolas fez um cruzamento na área, houve uma sequência de finalizações até que a bola chegou a Orejuela, que chutou – por detalhe a bola não entrou e saiu raspando a trave. Em seguida, foi a vez de Benítez chutar de fora da área, mandando com perigo, mas a bola saiu.

Na reta final da partida, Elias e Campaz fizeram uma linda tabela. O centroavante recebeu o último passe e chutou forte, mas a bola explodiu na trave e não entrou. No último lance, Danrley fez uma grande defesa e impediu o gol gremista.

Com o resultado, Grêmio não segue na Copa do Brasil.