Interiorização da Saúde inicia na Escola Cassiano, na Coxilha das Figueiras

0
274

Na quinta-feira (05), teve início o Programa de Interiorização da Saúde denominado “Mãos que Semeiam”, realizado pela Secretaria de Saúde. As atividades foram realizadas na Escola Municipal Cassiano José Moralles, na localidade da Coxilha da Figueiras.
Estiveram presentes o prefeito Benito Paschoal, os secretários Marco Antônio Rassier (Saúde), Marco Antônio Moraes dos Santos (Agropecuária), Nádia Soares (Cidadania e Inclusão Social) e Valdomir Tomir Krachefski (Obras). Também participaram da Interiorização os vereadores Sidnei Nunes e Cristina Boni.

Os agentes comunitários Liziane Ferreira Dutra, Anei Melo, Soila Lemos e a coordenadora Ilce Rosa também estavam na organização da Interiorização que contou com a presença de toda equipe de Saúde Rural: Fabiele Freitas dos Santos, Odete Escouto, Fernanda Oliveira Freitas e o médico Douglas Bock. O diretor da Escola Cassiano, Diego Guterres, também prestigiou o evento.
O Programa de Interiorização da Saúde faz parte do plano de ação da Secretaria de Saúde do município, e tem como objetivo melhorar o nível de saúde da população do interior por meio de ações que busquem a qualificação do acesso aos serviços de saúde, e visando a redução de riscos à saúde, decorrentes do processo de trabalho.

Início dos trabalhos da Interiorização na Escola Cassiano José Moralles

A Secretaria de Cidadania e Inclusão Social, juntamente com a Secretaria de Saúde lançou o projeto “Nossa força vem do campo”, e durante as atividades na Escola Cassiano, disponibilizou uma equipe volante com psicólogo e assistente social, além de distribuição de roupas e cobertores. O objetivo é auxiliar no programa de interiorização, priorizando o atendimento a qualidade de vida das pessoas cadastradas e em vulnerabilidade do meio rural do nosso município.

Vereadores Cristina Boni e Sidnei Nunes com seus assessores, Oscar Santos e Beatriz Azambuja, respectivamente, com o agente de Saúde, Anei Melo

Nestas ações de Interiorização da Saúde, o atendimento médico e de enfermagem sairá dos ESFs e USB e irá até as comunidades. Estes atendimentos serão feitos quinzenalmente em diferentes localidades da Zona Rural, juntamente com a agente comunitária de saúde local. A próxima ação acontecerá na Associação da Chapada, no dia 19 de agosto, a partir das 9 horas.