PAPO-RETO (Coluna de Opinião e Informação)

0
395

MAIS DO MESMO…

         Alguma novidade neste início de Gauchão?

         Novidades no sentido de contratações, dispensas, “reformas” nos Departamentos de Futebol, Diretoria, etc. e tal?

         Como a turma que gosta de futebol pode presenciar, o Internacional ganhou do Avenida no Beira-Rio por 1 x 0 (gol de Wanderson) e, o Grêmio, por sua vez, levou uma virada do Caxias no Estádio Centenário e perdeu por 2 x 1.

         Verdade seja dita: somente Soteldo merece nossos elogios.

         Bueno, para não perder o jeito, o Tricolor Gaúcho inicia com uma das piores defesas do Gauchão, sendo que Rodrigo Ely falhou clamorosamente, ao tentar driblar o centroavante do Caxias, sendo ele (Rodrigo Ely), o último jogador da defesa naquela jogada.

         Desta maneira, o Grêmio terminou 2023 com uma das piores defesas do Campeonato Brasileiro e inicia o Gauchão com o mesmo título.

         Alguma novidade?

         Sim, é o mais do mesmo.

         E, a derrota tricolor, assim como a grande imprensa quer nos fazer engolir, digo que não, que o preparo físico não é o culpado da derrota e porque o Grêmio só teve 10 dias para treinar.

         E o porquê disso?

         Porque, quer queiram ou não, deveria os jogadores tricolores suplantarem a parte física com a parte técnica, e, que, isso também não aconteceu.

         Ou será que não, que não é assim o que estou dizendo?

         Convenhamos…basta comparar a folha de pagamento do Caxias e a do Grêmio…não é a lei do mercado do futebol: jogadores melhores pagos são os jogadores bem melhores tecnicamente, ou vai dizer que não…que o perna de pau ganha salários de três dígitos?

         Toda a regra tem as suas exceções! No Grêmio, temos um exemplo claríssimo disso.

         Estamos falando de JP Galvão.

         Pois é, aqui no “Papo-Reto” conversamos sem delongas, aqui no Papo-Reto o papo é reto mesmo, sem firulas.

         Estamos falando de JP Galvão.

         A meu ver e, com tudo aquilo que não jogou em 2023 e, na primeira partida (vejam o lance que está na foto deste “papo), demonstrou novamente a sua total incapacidade de envergar a camiseta do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense.

         Pode rescindir o contrato, mandar embora porque não tem condições.

         Não adianta nos dizer que ano passado não teve aquele período de preparação e, que, neste ano o preparo físico ainda está prejudicado…e a parte técnica…errar um gol daqueles…um centroavante…???

         Mais ainda…e vamos também entrar pelo túnel do campo…diretoria do Grêmio…Antônio Brum, vice-presidente de futebol…seu “campo” profissional é a Odontologia, então, que volte para lá, pois na parte em que ele se encontra (futebol), não entende nada e, se formos analisar muito bem, vive das láureas de ter trazido Luisito Suárez, porque de resto, muito pouco ou quase nada surtiu efeito.

         E, aqui, nem vamos falar em “analistas de mercado”, pois que se porventura existem no Grêmio (amadores ao extremo), são totalmente pífios, ineficientes.

         Ao que tudo indica, principalmente pelas contratações e renovações no plantel da dupla Gre-Nal e, neste “aperitivo de Gauchão”, podem já ir direcionando a taça para o Beira-Rio.

         É cedo para falar isso? Pode ser, todavia, aqui nesta coluna Papo-Reto, eu não gostaria de ter que torcer pela afirmação acima só para não perder a razão, mas, honestamente, não traçamos nossos comentários sobre o “jogo-jogado”, ou seja, pelos resultados.

         … porque o Grêmio continua o mais do mesmo.

*Imagens das redes sociais