Rio Grande do Sul sedia Encontro Brasileiro das Cidades Patrimônio Mundial

0
374

A Secretaria de Turismo do Rio Grande do Sul (Setur) vai sediar, de quinta-feira (4) a sábado (6), o Encontro Brasileiro das Cidades Patrimônio Mundial. O evento será realizado pela primeira vez no Estado e terá como sede o município de São Miguel das Missões, único Patrimônio Cultural Mundial do sul do país. Com relevância nacional, a conferência reúne centenas de autoridades de todo o Brasil, com discussões, conexão e captação de oportunidades a partir das temáticas do turismo e da promoção turística.

Publicidade

O encontro discutirá os avanços nas políticas públicas voltadas para o Patrimônio Mundial Cultural e Natural, com debates sobre a recomendação para elaborar o Plano Nacional de Gestão Política do Patrimônio Mundial do País. Os participantes também tratarão sobre a política de Patrimônio Cultural do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan).

A programação inclui diversos temas, integrando cultura, patrimônio e potencial turístico. Um dos enfoques está nas possibilidades de financiamento e captação de investimentos para as cidades históricas turísticas e patrimônio natural e cultural, com informações sobre a elaboração de projetos para atração de investimentos e parcerias público-privadas.

Publicidade

Participarão do evento diversas autoridades, como a ministra do Turismo, Daniela Mote de Souza Carneiro; a ministra da Cultura, Margareth Menezes; o ministro do Tribunal de Contas da União, Augusto Nardes; o ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República, Paulo Pimenta; o secretário de Comunicação Institucional da Presidência da República, Maneco Hassen; o presidente do Iphan, Leandro Grass; o presidente da Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo (Embratur), Marcelo Freixo; a presidente do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), Fernanda Castro; o governador Eduardo Leite; o secretário de Turismo, Vilson Covatti; a secretária da Cultura, Beatriz Araújo; e o secretário de Desenvolvimento Econômico, Ernani Polo.

São Miguel das Missões

Destino marcado na memória dos gaúchos e dos brasileiros pelos atrativos histórico-culturais, o município de São Miguel das Missões abriga o Sítio Histórico São Miguel Arcanjo, declarado Patrimônio da Humanidade pela Unesco em 1983. O local abriga parte dos remanescentes da antiga Redução Jesuítica dos Guaranis, fundada em 1632, e também é sede do Espetáculo Som e Luz.

A atração é apresentada diariamente, ao anoitecer, nas ruínas, desde 1978, contando o nascimento, o desenvolvimento e o fim da experiência Jesuítico-Guarani, à semelhança dos espetáculos de som e luz nas pirâmides do Egito e no Partenon da Grécia. No Brasil, existe espetáculo similar no Museu Imperial em Petrópolis, no Rio de Janeiro.

Para a prefeitura de São Miguel das Missões, o evento é uma oportunidade para discutir como as cidades históricas desempenham um papel de destaque na dinamização econômica, social, cultural, ambiental e turística de uma localidade.

Fonte: Governo do Rio Grande do Sul